06/07/2012

Palestra

Depois de 12 anos vejo o meu time numa final de um campeonato nacional. Venceu a primeira de duas partidas previstas. De dois a zero no Coritiba, time forte que veio decidido a fazer pelo menos um gol no campo do adversário. Se deu mal, levou dois, um de pênalti e outro de falta com resvalo.
O time não está lá essas coisas, um pouco sem brilho, mas o que importa nesse momento é mesmo o resultado. Vamos torcer agora pela vitória defintiva lá em Curitiba. Pelo empate, ao menos, no segundo jogo.


Valeu Palestra!
Postar um comentário